Notícias

Escritório de advocacia discute, em ‘live’, fiscalização de resíduos sólidos nos estados

Em São Paulo, fiscalização encontrou irregularidades em mais de metade dos aterros vistoriados. Evento será transmitido pelo Youtube nesta quinta-feira às 9h30 da manhã.

Representantes de empresas de várias cadeias produtivas se conectam ao YouTube e outras mídias do WFaria Advogados nesta quinta, 9h30, para acompanhar análise sobre o início de fiscalizações sobre resíduos sólidos feita por tribunais de contas dos estados. Em São Paulo, fiscalização ordenada realizada pelo Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCESP) para verificar questões relacionadas ao tratamento e à destinação dos resíduos sólidos encontrou irregularidades em mais da metade dos aterros (61,48%) dos 247 municípios vistoriados, conforme informação do órgão. Interessados podem assistir e compartilhar por aqui: https://www.youtube.com/c/WFariaAdvogados/featured

Durante a ação, na quinta-feira (10/3), os Agentes do TCESP flagraram catadores informais trabalhando diretamente nos locais – o que é proibido pela legislação –, animais descartados irregularmente e em estado de decomposição, e acúmulo de chorume, resíduo altamente poluente que contamina o solo e pode comprometer o lençol freático.  A fiscalização, que envolveu 272 agentes do TCESP no trabalho em campo, ocorreu sem aviso prévio e teve ainda como intuito averiguar a realização da coleta seletiva e o cumprimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos pelos municípios paulistas, observando aspectos tanto operacionais quanto a coleta e a disposição final dos resíduos.

– Estas ações não param aí. O que é encontrado em campo vai apurar eventuais irregularidades das empresas geradores de resíduos, que são obrigadas a cuidar do gerenciamento, transporte, tratamento e destinação final de seus resíduos, uma responsabilidade contínua e ininterrupta, conforme estabelecido pela legislação, diz Julio Cesar Chaves, advogado e coordenados da área de Direito Público consultivo e contencioso do escritório.

compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email

Leia também:

Dura vida de advogado

A mesma Folha de S. Paulo que anunciou, equivocadamente, a morte da monarca da Inglaterra, na manhã de segunda-feira – “Rainha Elizabeth